Comunicado da Ford — está claro?

Estela Silva
3 min readJan 19, 2021

Comunicado oficial:

Ford Avança na Reestruturação da América do Sul

A Ford está anunciando uma restruturação de suas operações na região que permitirá ter um modelo de negócios ágil e sustentável no Brasil e América do Sul, apoiado em seus pontos fortes globais em SUVs, picapes e veículos comerciais. Como você sabe, a indústria automotiva global está passando por um processo de transformação impulsionado por novas e emergentes tecnologias em serviços conectados, eletrificação e veículos autônomos, com demandas dos consumidores e itens regulatórios remodelando o mercado. Além disso, a pandemia global do Covid-19 ampliou os desafios do negócio, com persistente capacidade ociosa da indústria e redução das vendas na América do Sul, especialmente no Brasil. Diante desse cenário, a Ford encerrará as operações brasileiras de manufatura nas plantas de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Troller (Horizonte — CE) durante 2021. A empresa manterá sua sede administrativa para a América do Sul em São Paulo, o Centro de Desenvolvimento de Produto na Bahia e o Campo de Provas em Tatuí-SP, que continuarão a trabalhar no desenvolvendo de tecnologias e produtos para a região e outros mercados globais. Enfatizamos que a Ford continuará ativamente presente no Brasil e na América do Sul com sua ampla Rede de Concessionários, prestando assistência total ao consumidor com operações de vendas, serviços, peças de reposição e garantia, além de oferecer um portfólio empolgante, conectado e cada vez mais eletrificado de SUVs, picapes e veículos comerciais, provenientes da Argentina, Uruguai e outros mercados. Reforçamos que além da confirmação da produção na nova geração da Ford Ranger, do lançamento da inédita família Bronco, da nova geração do Mustang Mach-1 e do utilitário Transit, a Ford planeja anunciar em breve novos modelos para o Brasil, incluindo um novo veículo híbrido plug-in, com expansão dos serviços conectados e introdução de novas tecnologias autônomas e de eletrificação.

Sugestão:

Ford comunica final das operações no Brasil

Os desafios econômicos globais que se refletem no Brasil levaram à companhia encerrar sua produção de veículos no País e a reestruturar as fábricas na América do Sul.

A indústria automotiva global está passando por um processo de transformação tecnológica, com serviços conectados, carros elétricos e veículos autônomos, orientados pelas novas necessidades dos consumidores e novas regulações de sustentabilidade

Além disso, a pandemia global do Covid-19 ampliou os desafios do negócio, aumentado a capacidade ociosa da indústria e redução das vendas de veículos na América do Sul, especialmente no Brasil.

Diante desse cenário, a Ford encerra as operações brasileiras de manufatura nas plantas de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Troller (Horizonte — CE) durante 2021. A empresa manterá sua sede administrativa para a América do Sul em São Paulo, o Centro de Desenvolvimento de Produto na Bahia e o Campo de Provas em Tatuí-SP, que continuarão a trabalhar no desenvolvendo de tecnologias e produtos para a região e outros mercados globais.

A Ford continuará presente no Brasil e na América do Sul com sua ampla Rede de Concessionários, prestando assistência total ao consumidor com operações de vendas, serviços, peças de reposição e garantia, além de oferecer uma linha de veículos, conectados de SUVs, picapes e veículos comerciais, provenientes da Argentina, Uruguai e outros mercados. Reforçamos que além da confirmação da produção na nova geração da Ford Ranger, do lançamento da família Bronco, da nova geração do Mustang Mach-1 e do utilitário Transit, a Ford planeja anunciar em breve novos modelos para o Brasil, incluindo um novo veículo híbrido plug-in, em linha com os serviços conectados e novas tecnologias autônomas e de eletrificação.

--

--

Estela Silva

Jornalista e relações públicas há mais de 25 anos com experiência corporativa e personal branding